O guia prático e definitivo para você começar a investir em poucos dias

O guia prático e definitivo para você começar a investir em poucos dias

Tempo de leitura: 4 minutos

Começar a investir é simples e rápido

Introdução

Você que está lendo este texto por acaso está tendo dificuldades para começar a investir? Não sabe o que fazer ou como fazer? Bem, primeiro de tudo, você não está sozinho, essas são as maiores dificuldades que um “não investidor” enfrenta. Por esse motivo que aqui você terá algumas dúvidas comuns do investidor iniciante respondidas direto ao ponto.

De quanto eu preciso para começar?

O mínimo até agora é R$ 1. Ainda não vi ninguém oferecendo investimentos com centavos, quem sabe mais pra frente. Porém acredito que R$ 1 seja um valor acessível a quase todos os brasileiros, senão todos. E, de fato, se você tem internet para ler este texto, significa que tem R$ 1 para investir. Para saber mais sobre como investir em um CDB rentável a partir de R$ 1 clique aqui.

Investindo R$ 1 na prática (vídeo)

Enquanto encontramos CDB por R$ 1, por outro lado, no Tesouro Direto, outro investimento de renda fixa bem popular, o investimento mínimo é de R$ 30. Na verdade, é necessário verificar os valores mínimos por título, mas o mínimo que os títulos poderão apresentar é de R$ 30.

Investindo no Tesouro Selic (vídeo)

O Tesouro Direto apresenta, basicamente, 3 tipos de títulos: o título atrelado à Inflação (Tesouro IPCA+), o título prefixado, que paga um valor fixo de juros por ano e o Tesouro Selic, título mais conservador do nosso mercado financeiro e um dos mais indicados para os investidores iniciantes. Veja aqui o valor e a taxa dos títulos do Tesouro Direto.

Driblando o medo de perder dinheiro

Primeiro de tudo, de onde surge o medo de perder dinheiro de alguém que está começando a investir? Certamente, na maioria das vezes, surge do desconhecido. Não conhecer o banco ou a corretora na qual está investindo ou utilizando para investir. Não conhecer também alguns mecanismos para a salvaguarda do investidor.

Um desses mecanismos é o Fundo Garantidor de Créditos (FGC) que garante ao investidor até R$ 250 mil do seu dinheiro investido por instituição financeira. Para saber mais sobre o FGC e quais investimentos estão cobertos por ele, veja este artigo aqui.

Para saber se uma instituição financeira é confiável podemos utilizar o Banco Data. O site é bem intuitivo e simples e apresenta os balanços e principais dados das instituições financeiras.

Por onde começar?

Muito provavelmente a porta de entrada para um investidor foi na renda fixa. Os dois investimentos mais comuns para esse fim, ou seja, começar a investir, são o CDB e o Tesouro Direto. A LCI e LCA também são interessantes para esse fim.

O Tesouro Selic e o CDB com liquidez diária são os investimentos mais específicos dentro do que foi citado no parágrafo anterior e são interessantes por que podem ser resgatados a qualquer momento. Os valores mínimos para esses investimentos já foi citado mais acima do texto.

Investindo no melhor CDB com liquidez diária do mercado (vídeo)

Agora lembre-se que isso não é uma recomendação direta de investimento, pois cada um deve analisar o próprio objetivo na hora de investir.

Você precisa saber disso antes de começar a investir

Acima de tudo conhecimento é necessário, mas você nunca terá todo o conhecimento e, além disso, nunca se achará pronto para começar a investir e isso é normal. Por esse motivo que tento estimular a prática. Assim você pode começar com pouco para ver como funciona. Perder R$ 1 (o que não vai acontecer!) não é um desastre.

Começando a investir

Para começar a investir é necessário abrir uma conta em alguma corretora ou em algum banco com investimentos mais atrativos, fuja de bancões (Itaú, Bradesco, Banco do Brasil e Santander), pois a remuneração dos investimentos desses bancos são pífias.

Segue então algumas recomendações.

Corretoras:

Bancos:

Se eu fosse você, sem dúvidas, eu já aproveitava essas recomendações e começava a abrir conta em todas essas instituições, não custa nada!

[Passo a passo] Como abrir conta em uma corretora de valores

Conclusão

Finalmente, percebeu? É necessário um pouco de conhecimento e um guia para começar a investir, nada mais que isso. Ah e ter R$ 1!

Enfim, espero que assim, com esse pequeno, mas bastante prático guia, eu tenha conseguido te auxiliar no começo da sua jornada financeira.

Boa sorte e bons investimentos! 📊💰

Anúncios